domingo, 16 de fevereiro de 2014

Um dia em...Veneza - Dorsoduro

Um dia em...Veneza - Dorsoduro

E hoje continuarei a mostrar-vos locais de interesse em Veneza, agora mais propriamente no bairro de Dorsoduro.

É um bairro de contrastes, que se estende de um porto, numa zona histórica em ruínas, a Zattere e ao Grande Canal até Punta della Dogana, uma zona in de consulados e residências.
As atracções incluem duas galerias de arte, repletas de obras de arte antigas e modernas, bem como Palácios e fantásticas igrejas.
O Dorsuduro, "dorso duro" de Veneza (foi construído em ilhas de subsolo duro), era pouco povoado devido à sua exposição aos ataques piratas. Hoje, local de maior parte dos edifícios universitários da cidade, está repleto de cafés animados, bares e vida nocturna.

Dorsuduro

Comece o seu roteiro pela Igreja di Santa Maria della Salute, uma fantástica igreja barroca, que domina a entrada para o Grande Canal. Foi construída devido a uma promessa feita à Virgem Santíssima, pelos habitantes da cidade, quando a população foi dizimada pela peste. Projetada por Longhena em 1630 e possui no seu interior obras de Ticiano e Tintoretto.


Igreja di Santa Maria della Salute

Se é um amante de arte, siga em direcção à primeira galeria de arte, situada no Palazzo  Venier dei Leoni, onde encontrará a Colecção Peggy Guggenheim, composta por obras que incluem mais de 200 artistas contemporâneos (Picasso, Max Ernst, Jackson Pollock, Paul Klee, entre outros), que representam vários movimentos, que vão desde o Cubismo, o Futurismo, passando pelo Surrealismo, entre outros.
Siga rumo à Galeria dell'Accademia, que tem uma espantosa colecção, iniciada por Giovanni Battista Piazzeta, em 1750. Aqui encontra-se uma colecção maravilhosa que abrange o desenvolvimento da arte veneziana desde o bizantino ao renascimento, barroco e rococó. Ou seja, podemos encontrar obras como Pietá, de Ticiano, o fantástico ciclo da Procissão de São Marcos em 1444, de Bellini ou ainda a Coroação da Virgem, de Paolo Veneziano, entre muitas outras.

Canal de Veneza

Se não é amante arte pode seguir directamente para a  Igreja dei Gesuati, situada na marginal de Zattere ao lado dos ancoradouros do ferry. Esta é uma bonita igreja dominicana, construída em 1726 por Giorgio Massari, possui um interior bem iluminado e com uma fantástica preservação do seu layout original. 

Igreja dei Gesuati

Se ainda não deu o seu passeio de gôndola vá até ao Squero di San Trovaso, o estaleiro de gôndolas mais famoso da cidade. Se quiserem andar de gôndola preparem-se para valores extremamente elevados.
Na altura em que fui paguei 80€ por meia hora, isto durante o dia porque se fosse à noite eram 120€, no nosso caso tivemos sorte porque cada gondola leva 6 pessoas e nós estávamos com mais 2 casais e assim pagámos cerca de 27€ por casal. 
Siga caminho passeando na Zattere, ampla zona marginal que os levará em direcção à Igreja di San Sebastiano,  modesta igreja do séc. XVI, dedicada a São Sebastião, o mártir onde se encontram inúmeras pinturas de Paolo Veronese. 

Zattere

Se caminhar em direcção ao Campo San Nicolò, encontrará a Igreja de San Nicolò dei Mendicoli que foi palco do filme de Nicholas Roeg "Aquele Inverno em Veneza". Esta é uma igreja véneto-bizantina, do séc. VII, sendo a segunda Igreja mais antiga de Veneza, foi palco de várias alterações ao longo dos séculos. O seu belo pórtico servia de abrigo aos pobres. 

Passe depois pela Igreja di Santa Maria dei Carmini, uma pequena igreja do séc. XIII, que resistiu à abolição da Ordem Carmelita do Mosteiro contíguo, a mando de Napoleão. Possui uma decoração extremamente rica.

Igreja di Santa Maria dei Carmini

E termine o seu dia no Campo Santa Margherita, uma movimentada praça com inúmeras atracções, ideais para passar um bom bocado. Aqui encontrará a Ex-Igreja di Santa Margherita, actualmente é um auditório, o Palácio Foscolo-Corner, a Casa dei Varoteri, entre outros.

Campo Santa Margherita

Assim termina mais um roteiro. ;)
De notar que existem imensas outras coisa para ver e que valem a pena, mas apenas coloquei as principais.
Dentro em breve colocarei o roteiro do último bairro e posteriormente farei um post com locais onde comer e dormir.


Espero que tenham gostado dos roteiros que vos sugeri acerca de Veneza. 
E vocês já visitaram Veneza? O que acharam? Ou ainda querem visitar?
Este blog tem parceria com o Booking. Se pretender fazer a sua reserva para ficar alojado em Barcelona, contrate o serviço por aqui e estará ajudando o nosso blog, já que o nosso trabalho é voluntário.


Veja os nossos artigos sobre Veneza
A nossa opinião sobre o hotel Ca della Corte
A nossa opinião sobre o hotel La Fenice et des Artistes

Sem comentários:

Enviar um comentário