sábado, 1 de março de 2014

Ilhas da Dalmácia

Ilhas da Dalmácia

Na Costa Dalmácia, existem uma infinidade de ilhas, algumas habitadas outras não. E se algumas são dotadas de todo os tipos de serviços, outras são pequenos espaços naturais, onde podemos usufruir da natureza, do mar e de vistas incríveis.



Norte da Dalmácia


  • Kornati - Esplêndido colar de ilhas (cerca de 90), de um branco-brilhante que contrasta com o profundo azul do Adriático. Foi considerado Parque Nacional desde 1980 e as suas ilhas são pouco povoadas. Aqui podemos explorar diversas atracções.
    • Refúgio nas Ilhas - Poderá alugar uma ilha privada e desfrutar de uma experiência maravilhosa
    • Marisqueiras - No Verão os habitantes locais transformam as suas casas em restaurantes
    • Kornat - É a maior ilha do Parque, possui uma torre de vigia bizantina e uma pequena igreja
    • Katina - Ruínas de uma antiga vila que remonta ao tempo em que estas ilhas serviam de local de férias de romanos abastados
    • Piskera - Outra ilha do Parque, possui a mais desenvolvida Marina das ilhas
    • Vida Selvagem - Estas ilhas são habitadas por mais de 300 espécies de plantas e um número semelhante de animais.
Parque Nacional de Kornati (Fonte: croatia.hr)
  • Murter - A entrada para o Parque Nacional de Kornati é feito por Murter, uma ilha que se encontra ligada ao continente por uma ponte.
Murter (Fonte www.direct-croatia.com)
  • Pag - Ilha famosa pelo seu queijo de ovelha e pela qualidade da sua carne de cordeiro. É uma ilha bastante árida, sendo o seu terreno bastante parecido com a paisagem lunar. O centro histórico da cidade resulta maioritariamente do trabalho do arquitecto Juraj Dalmatinac.
  • Pasman - Esta é uma ilha composta por várias pequenas aldeias piscatórias, possuindo também um mosteiro beneditino. Encontra-se ligado a Ugljan por uma ponte.
  • Ugljan - É a ilha mais povoada do Adriático, sendo a produtora de um dos melhores azeites do país.
  • Silba - Esta ilha está coberta por vegetação mediterrânea e ervas aromáticas. Não existem estradas para carros e dificilmente se encontra um hotel. Geralmente, as pessoas alugam casas para ficar.
Silba (Fonte www.lotos-croatia.com)
  • Privic - É uma ilha ocupada essencialmente por pescadores e agricultores. Esta ilha não tem muito para fazer a não ser relaxar e usufruir da paisagem.

Centro da Dalmácia


  • Bisevo - Nesta ilha fica a famosa Gruta Azul, que oferece um fantástico espectáculo visual de água e  luz.
Gruta Azul 
  • Hvar - A "Madeira da Croácia", ilha coberta de alfazema e outras plantas silvestres que faz lembrar a Ilha da Madeira. A cidade de Hvar possui um deslumbrante centro antigo de arquitectura veneziana e com a presença da Catedral de Santo Estevão, edifício renascentista do séc. XVI. 
  • Brac - Esta bonita ilha é conhecida pelo seu mármore e pelas suas encantadoras praias. Aqui se encontra a praia mais famosa da Croácia, Zlatni Rat, praia de seixos que se prolonga numa curva.
Zlatni Rat (Fonte dominicus.malleotus.free.fr)
  • Pakleni - Colar de pequenos ilhéus, são conhecidas como "As ilhas do Inferno" em nada têm a ver com o nome por que são conhecidas. São ilhas simples e encantadoras que oferecem inúmeros locais para desfrutar junto ao mar. 
  • Scedro - Esta ilha possui algumas praias bastante convidativas, assim como uma villa romana em ruínas, na Baía de Rake, e ainda podemos visitar na Baía de Mostir as ruínas de um Mosteiro Dominicano.

Sul da Dalmácia


  • Lokrum - Reserva natural repleta de árvores e orlada por uma praia oferece um bonito passeio. Aqui pudemos ainda visitar o Museu de História Natural.
Lokrum (Fonte travelincroatia.blogspot.com)
  • Lopud - A aldeia de Lopud fica no lado noroeste e tem uma vista de Sipan. Os dois montes são conectados por um belo vale, onde uma trilha atravessa a baía chamada Šunj do outro lado da ilha. A baía é quase redonda com uma entrada estreita, totalmente preenchido com areia branca.
  • Susac - Ilha extremamente pequena, acessível apenas em barcos particulares. Possui um farol do séc. XIX, que permite observar vistas encantadoras. Este farol foi construído em 1878 com pedra da Dalmácia, sendo possível pernoitar lá.
  • Badija - Pequena ilha outrora habitada por monges franciscanos, sendo ainda possível visitar a igreja e o mosteiro.
  • Palagruza - Esta ilha estende-se até ao limite das águas territoriais da Croácia, sendo o seu acesso feito por barco privado. Nesta ilha é possível visitar o Pakagruza Lighthouse, que tem 90 m de altitude e permite obter uma vista magnífica do Adriático e da própria ilha.
Palagruza Lighthouse (Fonte croatiatravelinfo.com)
Desde de Julho até Setembro as ilhas de Korcula e Hvar recebem um número muito grande de turistas, o que faz com que os preços aumentem e a tranquilidade diminua. Assim, aconselho a visitar estas ilhas antes ou após esta época.

Aconselho vivamente uma visita às adegas e explorações vinícolas locais, existentes em algumas ilhas, uma vez que o vinho é parte primordial da cultura das Ilhas da Dalmácia. Recomendo que prove o maduro Plavac Mali na Zlatan Otok (Ilha Hvar) ou o branco Grk na Pansion Marinka (Ilha de Korcula).

Espero que tenham gostado. Caso tenham alguma dúvida não hesitem em contactar.

Beijinhos
PAtrícia :)

Sem comentários:

Enviar um comentário